4 de maio de 2011

Sua cachorrinha ficou no CIO, e agora?


Bom pessoal, vou eu escrever sobre isso por que a Lola ficou um pouco envergonhada sobre o assunto, mas é imporante falar.

A Lola vai completar 1 ano agora dia 6/5 e como é da natureza dela, ficou no cio e algumas mudanças aconteceram, claro que fui questionar um veterinário muito tempo antes para não ser pego de surpresa.
Realmente isso de cio, menstruação e essas coisas de mulher são muito parecidas e digo, SIM, as fêmeas tem TPM, falo isso de todas as espécies (espero não ser morto por escrever isso), mas enfim, muitas coisas são parecidas e diferente do que muitos pensam, os cães não acasalam por prazer, e é claro que deve ser bom para eles assim como é bom para os humanos, mas é coisa de instinto, então não se assuste quando ver seu cão ou sua cadelinha fazendo aqueles movimentos repetidos se esfregando em algo, isso é da natureza e eles não entendem o certo ou errado, cabe a nós humanos não repreender eles pois o cão não entende suas palavras, apenas reconhece o tom de voz e o som de algumas coisas que falamos, como o "NÃO",  tente dizer "DÃO"  para seu cão quando ele fizer algo errado, ele vai parar imediatamente como se tivesse ouvido um "NÃO", o som chamou a atenção e não o sentido da palavra.
Voltando ao nosso assunto, a Lola tem ficado mais meiga nos últimos dias e já notei que em algumas situações, também fica mais estressada, tentando morder, legitimo caso de TPM e esse primeiro cio, foi silencioso, não percebemos corrimentos mas sua vulva e suas mamas estão maiores.
Na minha opinião, devemos entender que os animais não tem a maldade que temos e são puros dessa poluição sexual que vivemos onde tudo é sexo.
Encare normalmente e respeite seu aumigo, ele aposta que em todos os momentos da vida dele, você será um ótimo guardião e nunca deixe ele se sentir inseguro com você porque lembre-se, somos os heróis deles, toda alegria é destinada a nós e nas piores situações, tudo fica mais fácil se nós estamos com eles, acredite nisso e não deixe seu aumigo na mão.

Renan Jardim

Matéria:

Fêmeas também têm TPM e "menstruação", mas o período fértil é inconstante

Quem diria! Tensão pré-menstrual não é um problema que afeta apenas as mulheres. O que pouca gente sabe é que até no mundo animal ocorre algo semelhante e mesmo as cadelas, reconhecidamente seres dóceis e amáveis, passam por momentos de irritação, perda de apetite e apatia, em decorrência do período de ovulação.

Esta fase, conhecida como cio, representa o período reprodutivo do animal e caracteriza-se pelo sangramento, inchaço do órgão genital externo (vulva) e aumento do interesse dos machos pelas fêmeas.

A periodicidade do cio difere de animal para animal. "Pode variar de 4 a 12 meses, algumas cadelas são regradas de 4 em 4 meses, outras de 6 em 6, e dura em média de 15 a 20 dias".
O sangramento, que acomete grande parte das fêmeas, tem intensidade variável e acontece sempre no início do cio. "O fluxo da cadela no cio é decorrente do aumento da quantidade de hormônio estradiol, que causa uma hemorragia da parede do útero para prepará-lo para receber os óvulos", explica o veterinário.

Diferentemente dos seres humanos, os cães têm uma inconstância do seu período fértil e, portanto, do sangramento. "A cadela fica no cio, seu ciclo estral é bem variável, no caso das mulheres o ciclo reprodutivo é mensal". Por esse motivo o sangramento na mulher é chamado menstruação.

Em alguns cães, o sangramento é quase imperceptível. Neste caso, é fundamental a ajuda de um profissional para diagnosticar o cio. Para os donos que nunca atentaram para este fenômeno, convém marcar a periodicidade entre os cios para prever a incidência dos ciclos futuros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário

De uma olhadinha aqui também